Prefeitura reúne equipes de saúde para organizar campanha de orientação da população sobre o início da coleta seletiva.

Na manhã desta segunda-feira dia 27 de julho, a Prefeitura de Juripiranga, através das secretarias de saúde e de planejamento e administração do município, realizaram uma reunião preparatória onde foram repassados todos os detalhes do início da coleta seletiva do lixo na cidade no próximo dia 12 de agosto, que será antecedida de uma campanha de orientação e conscientização da população, que terá o papel principal neste importante processo.

Compareceram à reunião, agentes comunitários de saúde e de endemias e representantes das vigilâncias sanitária e ambiental de Juripiranga, que conduzirão o trabalho de orientação conscientização junto à população, de casa em casa, distribuindo panfletos educativos e explicando como cada morador deverá proceder na separação do lixo em suas residências.

O evento foi conduzido pelo secretário municipal de planejamento e administração, Osmar Anízio, pela secretária municipal de saúde, Dalvaci Maria, tendo também a participação especial do prefeito do município, Dr Paulo Dália Teixeira.

Quem também compareceu foi o presidente da cooperativa de reciclagem ITAMARE, do município de Itabaiana, o Sr Cuca.

Osmar Anízio em sua fala mostrou o grande desafio que será a implantação da coleta seletiva no município, sobretudo pela radical mudança de hábitos que a população terá de adotar, que segundo ele levará um tempo para todos se acostumarem, daí a importância da permanente orientação das equipes de saúde. Ele também lembrou que esta é a primeira vez que o município em sua história recebe um projeto público ambiental desta monta, com regramento por meio decreto municipal, destacando as inúmeras benesses que a coleta seletiva do lixo trará para a vida da população.

A secretária municipal de saúde, Dalvaci Maria, expressou a sua satisfação em poder se reunir com os servidores depois de tanto tempo por conta da pandemia do novo coronavirus, agradecendo a participação de todos e contando com a participação dos mesmos neste importante projeto, que a partir de agora incluirão em seu trabalho cotidiano de visitação a população, esta abordagem sobre a coleta seletiva do lixo, estimulando a participação do povo, que contribuirá com a melhoria dos índices de saúde e de meio ambiente do município.

O prefeito Dr Paulo Dália Teixeira, falou sobre a problemática do lixo no país, lembrando que dados oficiais mostram que o cada brasileiro produz cerca de 1kilo de lixo por dia, um montante de 210 mil toneladas diárias que são despejados nos lixões e aterros, refletindo na poluição dos rios, campos e em todo o meio ambiente, trazendo consequências a saúde pública. Ele lembrou que a coleta seletiva vai representar o fim dos lixões e que sua implementação se dará por força da Lei 12.305/10, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e que terá todo o acompanhamento do Ministério Público que fiscalizará de perto a aplicação da lei em todos os municípios do país, daí a obrigatoriedade de toda a população participar da coleta seletiva do lixo. Ele também explicou que a população só precisará fazer o simples trabalho de separar o lixo em três partes, que são os recicláveis ( papéis, jornais, revistas, papelão, plásticos, garrafas, sacos, metais, latas e vidros), orgânicos (restos de comida) e rejeitos (papel higiênico, fraldas descartáveis e absorventes). Destacou também que a coleta seletiva de lixo vai proporcionar a geração de emprego e renda para os catadores de lixo, além de produzir adubo orgânico, contribuindo para o meio ambiente no município. Por fim, pediu para que os profissionais da saúde encampem a campanha de orientação e conscientização para que o projeto tenha êxito.

Prefeitura de Juripiranga. Juntos, construiremos uma cidade cada vez melhor.

 

 

COMPARTILHAR